sábado, 29 de setembro de 2007

Hidratação

No mundo de hoje, onde constantemente escutamos falar de aquecimento global, onde as temperaturas aqui na América do Sul por si só já são altas, e principalmente aqui no Brasil com esse clima seco, o calor está muito forte.
Nessas ultimas semanas o clima aqui em São Paulo, está muito quente e seco, o que faz com que nossa transpiração durante o role de skate aumente consideravelmente em relação há dias com clima mais ameno.
Todos sabem a importância da água para o nosso organismo, sabemos que ela é responsável por muitas coisas importantes e dentre essas coisas a regulação da temperatura corpórea.
O consumo mínimo de água indicado para a grande maioria das pessoas é de 2 litros por dia, mas como nós skatistas praticamos uma atividade física de alta intensidade, precisamos nos hidratar muito durante a sessão e no decorrer do dia.
Durante a sessão procure tomar um pouco de água a cada 30 minutos e sempre que possível tome bebidas isotônicas durante a sessão em dias mais quentes.
Lembrando sempre que água é o ideal para a hidratação, nada de refrigerante ou bebidas alcoólicas.
Ande de skate, evolua e divirta-se.

sábado, 22 de setembro de 2007

Entrevista


Humilde, skatista cabreiro, vídeo-maker de alta qualidade, esse é Diogo Gema, skatista de Guarulhos que vem se destacando cada vez mais no cenário do skate nacional, hora por suas manobras técnicas, hora por seus vídeos de alta qualidade como o Ideais, um dos primeiros a acreditar na Skate Saúde e merecedor de dar início a parte de entrevistas do Blog.

Nome: Diogo Ramos de Oliveira “Gema”
Idade: 21 anos
Tempo de skate: 8 anos e meio
Local: Guarulhos – SP
Patrocínio: Skate Saúde
Apoio: Mogul Skateboard e Capital Skateboard

SS - Como foi o seu início no skate?
Na época do Racionais, por volta de 1999, na rua era moda andar de skate, ai todo mundo da rua andava, agora só eu e meu irmão continuamos.

SS - Quais skatistas te influenciaram?
Adriano Mi , James Bam-Bam e Valdeck Prado.

SS - Quais as qualidades que um skatista deve ter?
Humildade, sorte e perseverança.

SS- Qual o seu pico preferido?
Quadra da Brama em Guarulhos.

SS – Qual a manobra você sente mais prazer em acertar?
Hard Flip e Flip de Front.

SS – Como começou a idéia de filmar?
No ano 2000, eu e meu irmão de tanto assistir vídeos de skate como Chicle, TWS e 411, tivemos a idéia de fazer um vídeo de Guarulhos de modo caseiro, com a filmadora do meu pai.

SS – O ótimo trabalho realizado no vídeo Ideais deu o resultado esperado por você?
Deu mais resultado que o esperado, muita gente comentou, falou bem, com elogios de skatistas profissionais brasileiros e gringos, pelo ótimo nível de manobras apresentado no vídeo.

SS – Você acha que da pra viver de vídeos de skate no Brasil?
Só vídeo de skate não, os investimentos não são sérios nessa área ainda.

SS – Você acha importante para o skate esse projeto que vem sendo desenvolvido pela Skate Saúde?
Com certeza, porque é um novo trabalho em cima do skate que ainda não foi realizado no Brasil e no mundo.

SS – Como você se sente sendo patrocinado pela Skate Saúde?
Confiante, assim eu posso me jogar mais nos picos.

Agradecimentos: Deus, minha família, minha namorada, meu irmão, Adriano Mi, Cleverson Tartaruga, Valdeck Prado, Mário Romário, Daniel Quadrado, Kleber TX, Elvis Grud, Rômulo Pereira, Derick Puche, Luiz Aladin, Henrique Boy, Gustavo Nikito, Thiago Pino, Max, Ricardo Sapão, Laurenci Realli, Diego Chaveiro, Eduardo Mogul, Boca de Brasília, Cris Fernandes, Mário Dentinho, Alexandre Sobral e Márcio S4C.





video

A Skate Saúde busca sempre a evolução do skate , e nada melhor que os vídeos de skate para mostrar isso, vejam agora Diogo Gema , atleta da Skate Saúde em ação.

sábado, 15 de setembro de 2007

Simplicidade

Sempre que possível arrumamos aquela bela desculpa para não cuidarmos do nosso corpo, a de não ter dinheiro, a de não ter tempo e principalmente a de não ser atleta e sim skatista.
Concordo plenamente com quase todos esses fatores, afinal vivemos em um mundo moderno onde dinheiro e tempo são coisas muito valiosas nos dias de hoje, mas o fato de sermos skatistas é que faz o diferencial, afinal quanto mais cuidamos do nosso corpo, mais tempo poderemos passar andando de skate.
E para cuidar bem do corpo não é necessário gastar muito, o fato de se alimentar bem, dormir bem, praticar algum outro esporte não é muito caro se comparado ao valor de um bom tênis para se andar de skate.
Mas ha situações muito mais simples que podem beneficiar muito o nosso corpo, alongar, por exemplo, pode ser feito em casa, antes e depois da session e não custa absolutamente nada.
A foto ilustra um trabalho de fortalecimento para alguns músculos de membro inferior sendo realizado com uma tração (tripa de mico usada para fazer estilingue) que é vendida em farmácia e custa menos de R$2,00.
Esse trabalho é muito importante para evitar torções de tornozelo e pode ser realizado em casa sem auxílio de ninguém, de forma rápida e eficaz.
Por isso coisas simples e sem alto valor financeiro podem ser de grande valia para o nosso corpo na hora de evitar uma lesão andando de skate.
Pense nisso e mude sua rotina, corpo em bom estado é certeza de muito tempo andando de skate e voltando manobras novas.
Ande de skate, evolua e divirta-se.

sábado, 8 de setembro de 2007

Defesa e Reeducação do Movimento

Um dos aspectos mais importantes para nós skatistas é a defesa do nosso corpo contra torções ou mudanças bruscas de movimento durante a sessão.
Cientificamente o nome dado é PROPRIOCEPÇÃO, que é a percepção do movimento e da orientação das partes do corpo, umas com relação às outras e com o espaço. Receptores nervosos nas articulações e músculos enviam informações para que o cérebro perceba o movimento e a orientação. É um dos sentidos naturais.
A propriocepção sempre que possível deve ser treinada com exercícios simples, como uma caminhada descalço na areia, ou com exercícios mais específicos que buscam um objetivo diferenciado.
O treino de propriocepção também é muito utilizado na reabilitação, como podemos observar na foto o atleta Marquinhos ( Juice Decks / Sense Skate Shop ), fazendo um exercício proprioceptivo para se recuperar de uma lesão no tornozelo.
Outro fator de grande importância na foto é o trabalho de reeducação funcional, onde esse movimento realizado pelo atleta na fisioterapia, é repetido por várias vezes durante a sessão de skate.
Essa parte do tratamento é chamada de reeducação motora, que é a reaprendizagem da função, de movimento, através de exercícios terapêuticos.
Esse é um passo muito importante para a volta ao skate, pois ensinamos novamente ao corpo, alguns movimentos que serão utilizados na execução das manobras.
Agradeço a todos que tem visitado o blog e deixado algum comentários, com certeza o apoio de vocês é uma motivação muito grande para a realização deste trabalho.
Duvidas e sugestões são muito bem vindas.
Lembre-se: ande de skate, evolua e divirta-se.

sábado, 1 de setembro de 2007

Descanso

Quantas vezes após horas andando de skate em uma sessão, falamos aquela frase:
“Vou dar a última manobra!!! ” , e realmente essa manobra acaba sendo a última, porque você acaba se lesionando e ficando afastado do skate por algum tempo.
Saber a hora certa de parar a sessão, é um dos principais fatores para se prevenir de lesões, apesar de que quando estamos em cima do skate a vontade de se superar e acertar a manobra é maior que tudo, e isso geralmente acaba gerando as lesões.
A fadiga muscular depois de algum tempo de sessão é um dos principais fatores de lesão. Seus sintomas são: sensação de cansaço, tremor muscular e às vezes queimação no local.
Outra situação muito importante é a rotina que o skatista adota, sabemos que o skate é mais que um esporte, por isso não treinamos, nós simplesmente andamos de skate. Mas andar de skate apenas em um período do dia pode ser de beneficio físico para o skatista.
Recuperar o corpo com boas noites de sono e andar de skate em um único período do dia sabendo a hora certa de parar, podem ajudar a manter o skatista longe das lesões, otimizando seu desempenho e melhorando sua qualidade de vida. Isso será de grande valia, pois quanto melhor for a qualidade de vida do skatista , por mais anos ele poderá andar de skate, e para isso acontecer descanso é primordial.
Lembre-se: Ande de skate, evolua e divirta-se.