sábado, 29 de dezembro de 2007

Entrevista

Para encerrar este primeiro ano da Skate Saúde com chave de ouro, uma entrevista com o atleta profissional Laurence Reali, uma pessoa que se destaca pela alegria e pela energia que passa a todos durante a sessão. Manobras de alto impacto, geralmente cercada de amigos e regada a muito profissionalismo são também algumas características marcantes deste profissional de ponta do skate brasileiro.

Nome: Laurence Reali Rodrigues
Idade: 23 anos
Tempo de skate: 10 anos
Local: Guarulhos / SP
Patrocínio: Lost, Libra e Fire

SS- Como e onde foi o seu inicio no skate?
O inicio foi aqui em Guarulhos, no bairro onde eu morava, eu pedia o skate dos moleques emprestado e andava, pegava o skate do moleque da rua do Bodão para a gente ir andar junto, ai fui pegando gosto pela coisa e não parei mais.

SS- Qual o seu pico preferido?
Quadra da Brama em Guarulhos.

SS- Qual manobra você sente mais prazer em acertar?
As que eu ainda não acertei.

Foto:www.solto.com.br Manobra:Nollie Crooked
SS- Você já se lesionou alguma vez andando de skate?
Só algumas torções leves no tornozelo.

SS- Quais skatistas te influenciaram?
O Bambam até hoje e meus camaradas. Minha maior influencia são as pessoas boas com quem eu ando.

SS- O que você acha desse projeto da Skate Saúde?
È bom porque normalmente todo mundo chega e já quer andar e não adianta querer só andar, tem que ter a saúde, a diversão e a pratica do skate, para você ter um bom condicionamento físico e não se preocupar com a saúde.

Foto:Renato Custódio Manobra:Switch Back Tail
SS- Na sua avaliação, que prejuízo o skate sofre com tão poucos eventos profissionais?
O prejuízo é para os atletas profissionais, com menos eventos os atletas aparecem menos e divulgam menos as suas marcas e ruim também para a molecada que tem os atletas profissionais como espelho e não assistem eles andando nas suas citys.

SS- Você tem noção da importância de ser uma referencia no skate nacional?
A partir do momento que você tem o skate como profissão, você é uma referencia. Por isso você tem que ser uma referencia boa, para incentivar os moleques a andar de skate e também ajudar as marcas a crescerem. Você tem que ser uma boa referencia para poder ser bem aceito.

SS- Se você tivesse que eleger um momento na sua carreira como o mais especial, qual seria?
Agora. Sempre o agora para mim é o mais importante. Tudo passa e o agora não passou ainda.




SS- Quais são os seus planos para o futuro?
Poder me estabilizar com o skate e viver em função das minhas prioridades.

SS- Qual o recado para a molecada que esta começando agora?
Nunca desistir, pois quem desiste nunca alcança a sua meta. Se você não desistir, você irá conseguir.

Agradecimentos: a Deus e as pessoas que me incetivam.



4 comentários:

Camila disse...

Muito Style a entrevista

esse blog vai longe !

lucas disse...

dahora mesmo essa entrevista!!!

acho q ele falow aquel ultima fraze pra mim em!!!

kkkkkkkkkkkkkkkkk

fala q eu mandei um salve pra el!!!

os manu de sampa são FODA

yuri disse...

eae pino o blog tah bombandu naipe a entrevista com o toco hein té+ abraço...
flw abraço: yuri

Anônimo disse...

Obrigado por Blog intiresny